Ensaio: “ Contra o movimento Antimanicomial ”

 

Eu, Bráulio Machado Campos, com 32 anos de idade, 13 de novembro de 2021, possuo de herança genética Esquizofrenia Paranoide. No último mês, setembro do ano de 2021, tive um desmaio, algo que eu nunca tive na vida, e eu te falo, não é nada bom, você simplesmente apaga, sua mente apaga, mas seu corpo continua funcionando. Estou sendo perseguido desde 2014/2015, por causa de uma jovem moça que gostava, que compartilhou meus textos privados do FaceBook no aplicativo WhatsApp (CRIME e COVARDIA), o que fez o meu grau de Esquizofrenia Paranoide aumentar que é a classificação mundial e brasileira: CID10 - F20.

 

Acabo de saber que há um Projeto de Lei que quer igualar os portadores de distúrbios mentais, contando a Esquizofrenia e suas variantes, como cidadãos brasileiros iguais aos “normais”. Também estou sabendo que os CERSAMS de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, estão com intenções de fechar. Sempre que eu preciso e tenho minhas crises em que eu preciso ser internado e tomar medicamentos muito fortes, meu querido pai, me leva lá. Se os CERSAMS de Belo Horizonte fecharem, onde os portadores de deficiência mental que não possuem condições financeiras para um atendimento personalizado, irão ? Há dinheiro para construir estádios de futebol, mas para manter centros importantes como os CERSAMS abertos, não há capital ? Onde os pacientes com distúrbios mentais serão internados por tal período de tempo em uma unidade dessas quando surtam ? Pense nisso.

 

Acredito que esse movimento Antimanicomial e seus idealizadores NÃO compreendem o que é ser um portador de algum distúrbio mental, pois talvez se acham “normais”. Deve ser legal ter 3 filhos formados em em cursos de faculdade de Engenharia, ser Psiquiatra conhecida na área, e esses seus filhos não terem problemas mentais herdados geneticamente, o qual eu tive oportunidade de conhecer e tal pessoa ainda apoiar o movimento “Antimanicomial”, (parece ser um movimento político da “esquerda”), acho que seus filhos são normais e essa psiquiatra não sabe o que é ter um filho com problemas mentais, fácil né ? Muitos membros da família de meu pai, possuem a mesma variante e outras. O que é uma doença chata e, te atrapalha durante toda a sua vida. Sem falar nas psicoses que eu tenho. Lembro-me que no ensino técnico meus colegas mais próximos me chamavam de “Canarinho”, porquê eu viajava demais nas ideias, situação que também abala o meu lado sentimental. Quando estudei no INATEL (1 período), tive uma psicose em que eu acreditei que haviam extraterrestres falando no andar de baixo da república onde morava, de madrugada, fiquei super tenso e minha mente começou a rodar, algo como ficar tonto, eu estava dormindo, só depois fiquei sabendo que eram pessoas alcoolizadas. A outra mais recente foi o bairro onde cresci, fazerem isso comigo, algo extremamente covarde, tinha até barulho de helicóptero, dai uma vizinha falou alto que era o helicóptero da ESA e que o Presidente Bolsonaro estava vindo, de uma forma que não compreendi, em minha mente achei que o Bolsonaro iria lá em casa, cheguei até a vestir um terno, depois e durante, soltaram uma bomba pois meu pai havia saído de casa a pé para resolver um problema, e novamente, os funcionários da empresa de festa que fica ao lado e embaixo de meu prédio, começaram a falar que meu pai havia morrido. Hoje, vejo que isso foi tudo mais uma armação para mim, covardia ? SIM ! Literalmente.

 

Mas o que é Esquizofrenia Paranoide, por exemplo ? E um distúrbio do cérebro em que a produção de dopamina é superior aos seres humanos “normais”. É muito louco de repente você ver bolas douradas na sua frente flutuando, são lindas, mas ninguém além de mim por perto, vê isso, sem falar no lado da paranoia que vai te acompanhar pelo resto da vida e é ai que entram os medicamentos que tenho que tomar todo dia. Tenho que tomar remédios como a Risperidona para me manter “normal”, o que é um dos medicamentos mais avançados dos últimos tempos em todo o Planeta.

 

Portanto, eu, Bráulio Machado Campos, venho com esse ensaio, me manifestar a respeito dessa lei que é algo extremamente ridícula e sem noção o que vai afetar DIRETAMENTE muitos doentes mentais no Brasil. Será que o Deputado autor dessa Lei, não vê isso: Nos milhões de doentes mentais no Brasil ? Porque ele esta fazendo isso ? Quais são as intenções dele ? Fica aqui o meu voto NÃO ao movimento antimanicomial e, rejeito de toda essa Lei que vai contra as pessoas inocentes que nasceram com a doença mental, seja Esquizofrenia e outras tantas.

 

Brasil, 13 novembro de 2021.

 

Bráulio Machado Campos
Author: Bráulio Machado Campos
CEO - Internet Pensante
Alguns artigos de sua autoria:

OHSecurity is developed by Orange Hat Studios